Troca gratuita dos cartões vale-transporte termina em março no Rio

Arquivado em: Destaque do Dia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 7 de janeiro de 2021 as 13:25, por: CdB

Após ser retomada em outubro do ano passado, a substituição dos antigos cartões do tipo vale-transporte pelos novos modelos, na cor laranja, termina no dia 31 de março. A troca dos cartões de transporte deverá ser realizada em uma das lojas da rede de atendimento ao cliente da Riocard Mais.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

Após ser retomada em outubro do ano passado, a substituição dos antigos cartões do tipo vale-transporte pelos novos modelos, na cor laranja, termina no dia 31 de março. A troca dos cartões de transporte deverá ser realizada em uma das lojas da rede de atendimento ao cliente da Riocard Mais no estado do Rio de Janeiro.

A troca deve ser realizada em uma das lojas da rede Riocard Mais
A troca deve ser realizada em uma das lojas da rede Riocard Mais

Segundo a Riocard, a medida é necessária para a evolução do sistema de bilhetagem eletrônica pois o cartão Riocard Mais é o único aceito em todos os meios de transporte e pode ser utilizado em 43 cidades do estado do Rio.

Ao mudar para o Riocard Mais, o passageiro mantém os créditos de transporte do antigo cartão e os benefícios tarifários atrelados a ele, como o Bilhete Único Carioca, o Bilhete Único de Niterói e o Bilhete Único Intermunicipal. O cliente recebe no ato da troca dos cartões um comprovante com os valores dos créditos de transporte que estavam disponíveis no modelo antigo.

– Estamos preparados para atender de forma segura os clientes da Riocard Mais. Todas as lojas foram adaptadas e funcionam de acordo com os protocolos sanitários recomendados pelas autoridades de saúde. As equipes foram treinadas e têm à disposição todos os equipamentos de segurança individual necessários para um atendimento seguro – afirmou, em nota, Melissa Sartori, gerente de marketing da Riocard Mais.

Como trocar

Para receber o novo cartão gratuitamente, o cliente precisa apresentar o modelo antigo do vale-transporte. Não é necessário apresentar documentação, mas a troca deve ser feita pelo titular do cartão, já que o benefício é pessoal e intransferível. O usuário pode acessar o site e conferir o endereço da unidade de atendimento mais próxima.