Tropas iraquianas matam militantes do Estado Islâmico

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 3 de agosto de 2018 as 11:43, por: CdB

No marco da operação conjunta morreram 12 jihadistas, entre eles quatro terroristas suicidas que levam junto ao corpo cinturões explosivos, detalhou a fonte

Por Redação, com EFE – de Bagdá

As forças de segurança iraquianos mataram 12 combatentes do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) ao sul da cidade de Tikrit, capital da província setentrional de Saladino, informou à agência EFE uma fonte de segurança local.

As forças de segurança iraquianos mataram 12 combatentes do grupo terrorista Estado Islâmico

Uma força integrada pela polícia e pelo Exército, junto às milícias pró-governo Multidão Popular, lançou na quinta-feira à noite um ataque contra os membros do EI que ainda permanecem na região da Al Ishaqui, 70 quilômetros ao sul de Tikrit, disse a fonte, que quis manter o anonimato.

No marco da operação conjunta morreram 12 jihadistas, entre eles quatro terroristas suicidas que levam junto ao corpo cinturões explosivos, detalhou a fonte.

Além disso, acrescentou que não ocorreram baixas nas fileiras governamentais.

As forças iraquianas estão tentando eliminar os remanescente do grupo EI e suas células dormentes, depois que o Governo de Bagdá anunciou em 9 de dezembro a derrota militar do grupo, quw ainda tem presença em algumas áreas e realiza atentados contra civis e uniformizados.

Os jihadistas chegaram a dominar amplas regiões do Iraque após invadir o país em junho de 2014, depois do qual proclamaram um “califado” nos territórios que controlavam neste Estado e na vizinha Síria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *