Uefa pode punir Irlanda por protesto de torcedores com bolas de tênis

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 28 de março de 2019 as 12:56, por: CdB

A partida foi interrompida por dois a três minutos à medida que os torcedores irlandeses lançaram dezenas de bolas de tênis para protestar contra o papel que o executivo-chefe John Delaney continua tendo na Associação de Futebol da Irlanda.

Por Redação, com Reuters – de Londres/Buenos Aires

A Uefa iniciou procedimentos disciplinares contra a Irlanda, nesta quinta-feira, em decorrência do protesto realizado por torcedores que atiraram bolas de tênis no campo durante partida das eliminatórias da Eurocopa contra a Geórgia.

Agente retira bolas de tênis arremessadas em campo em protesto de torcedores irlandeses

A partida de terça-feira em Dublin foi interrompida por dois a três minutos à medida que os torcedores irlandeses lançaram dezenas de bolas de tênis para protestar contra o papel que o executivo-chefe John Delaney continua tendo na Associação de Futebol da Irlanda (FAI).

Delaney renunciou ao cargo de executivo-chefe da FAI na semana passada, dias antes de comparecer diante de parlamentares devido a um empréstimo de 100 mil euros concedido à entidade.

Mas a FAI criou o novo cargo de vice-presidente executivo para Delaney, que continuará na associação que comanda desde 2005.

Não foi possível obter comentários da federação irlandesa de imediato.

O caso será tratado pelo Comitê de Controle, Ética e Disciplinar da Uefa no dia 16 de maio.

Escândalo da Fifa

A Amazon fará uma série sobre o chamado Fifa Gate, escândalo de corrupção no cerne do órgão dirigente do futebol mundial, que será dirigida pelo argentino Armando Bó, vencedor do Oscar de melhor roteiro original em 2015, com Birdman.

El Presidente vai mostrar como funciona a estrutura de poder em torno do negócio de futebol sul-americano, disse um comunicado da Kapow, produtora argentina responsável pela série junto à Gaumont e à Fábula, dos irmãos chilenos Pablo e Juan de Dios Larraín, que produziram Una Mujer Fantástica, vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2018.

A série de ficção, com oito episódios, será disponibilizada internacionalmente e contará com vários dirigentes do futebol que protagonizaram o escândalo de corrupção que levou à condenação de funcionários de alto escalão em todo o mundo.

El Presidente mostrará’ ao mundo, com muita ironia, como o esporte mais amado por todos é, na verdade, um negócio multimilionário dominado por uma máfia ridícula nunca antes vista: a máfia do futebol”, disse Bo no comunicado.

Baseada em fatos reais, a série da Amazon será ambientada em diferentes cidades da América Latina, Europa e dos Estados Unidos, além de explorar o escândalo esportivo que chocou o mundo através da história do líder chileno Sergio Jadue e do argentino Julio Grondona, falecido em 2014.

O thriller será protagonizado pelos atores Andrés Parra (Pablo Escobar, o patrão do mal), Paulina Gaitán (Diablo Guardián) e Karla Souza (Lições de um crime), entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *