Uruguai vai às urnas sob o risco de cair no discurso da ultradireita

Arquivado em: América Latina, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado domingo, 24 de novembro de 2019 as 15:47, por: CdB

Cerca de 2,7 milhões de eleitores uruguaios irão escolher entre Lacalle Pou, do Partido Nacional, de centro-direita, e Daniel Martínez, do atual partido de governo, Frente Ampla.

 

Por Redação, com agências internacionais – de Montevideo

 

Os uruguaios foram às urnas neste domingo para eleger um novo presidente no segundo turno das eleições, que devem levar o governo do país sul-americano de volta a um governo de centro-direita, após 15 anos de governos de centro-esquerda. Os setores progressistas do país, no entanto, apostam em uma virada na tendência eleitoral, na boca-de-urna.

Daniel Martínez, da Frente Ampla, ainda aposta em uma virada, na boca-de-urna
Daniel Martínez, da Frente Ampla, ainda aposta em uma virada, na boca-de-urna

Luis Lacalle Pou, um advogado conservador cujo pai já foi presidente do país, é favorito para derrotar a coalizão de esquerda que levou o país de economia agrícola a um período de estabilidade e relativo crescimento econômico — embora este último esteja desacelerando.

Convulsões

Cerca de 2,7 milhões de eleitores uruguaios irão escolher entre Lacalle Pou, do Partido Nacional, de centro-direita, e Daniel Martínez, do atual partido de governo, Frente Ampla. Os primeiros resultados da votação, encerrada às 19h30, no horário local, serão conhecidos cerca de uma hora depois.

Com o encerramento das campanhas eleitorais na semana passada, Lacalle Pou, de 46 anos, tinha um tom confiante, dizendo que o país sul-americano estava pedindo mudanças. As pesquisas eleitorais preveem sua vitória sobre Martínez por uma margem entre 6 e 8 pontos.

Em meio a convulsões sociais na região, como na Bolívia e no Chile, o Uruguai continua estável, mas sua economia em desaceleração viu apenas 0,1% de crescimento no segundo trimestre do ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *