Polônia abrirá hospital de campanha no Estádio Nacional de Varsóvia

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 19 de outubro de 2020 as 12:01, por: CdB

A Polônia planeja abrir um hospital de campanha no emblemático Estádio Nacional de Varsóvia para diminuir a pressão causada pela disparada de casos de coronavírus no sistema de saúde, disse o governo nesta segunda-feira.

Por Redação, com Reuters – de Varsóvia

A Polônia planeja abrir um hospital de campanha no emblemático Estádio Nacional de Varsóvia para diminuir a pressão causada pela disparada de casos de coronavírus no sistema de saúde, disse o governo nesta segunda-feira.

Vista do Estádio Nacional de Varsóvia, na Polônia
Vista do Estádio Nacional de Varsóvia, na Polônia

O país registrou diversos recordes novos de casos diários e mortes nas últimas semanas, e médicos relataram escassez de mão de obra, leitos hospitalares e equipamentos.

– Vendo o desenrolar da situação, temo que tenhamos esta infraestrutura funcionando durante semanas, senão meses, em vários locais da Polônia – disse o porta-voz do governo, Piotr Muller, à emissora estatal TVP Info.

Coronavírus

Michal Dworczyk, chefe de gabinete do primeiro-ministro, disse à rádio Zet que o hospital será montado nas salas de conferência do estádio, e não na arena para 58 mil espectadores, com 500 leitos para pacientes de covid-19 e a opção de duplicá-los. Os primeiros leitos provavelmente estarão disponíveis nesta semana.

Finalizado em 2012, o estádio é um dos marcos de Varsóvia. Ele sediou partidas da Euro 2012 e shows do Metallica, Rolling Stones e Phil Collins, entre outros.

Ainda nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde disse que construirá outro hospital de campanha em Varsóvia e que outras regiões também estão preparando instalações deste tipo.

Dworczyk disse que o governo não planeja fechar cemitérios e impedir que as pessoas viajem perto do dia 1º de novembro, quando milhões de poloneses visitam túmulos no Dia de Todos os Santos.