Secretaria de Saúde intensifica ações de prevenção à febre amarela 

Arquivado em: Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 22 de março de 2019 as 13:38, por: CdB

As ações de combate ao vetor que transmite dengue, chikungunya, zika e febre amarela começaram em fevereiro.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

A Secretaria de Saúde chama atenção para o alto índice de mortalidade da febre amarela no estado em 2018. Por isso, a campanha de vacinação foi intensificada no início deste ano.

Postos foram implantados nos grandes eixos de circulação de público

Na capital, a estratégia foi montar postos de vacinação nos grandes eixos de circulação de público, como a Praça XV e a Central do Brasil. Já no interior, foram identificadas as cidades com baixos índices de cobertura vacinal para que uma segunda unidade móvel possa percorrer essas localidades.

As ações de combate ao vetor que transmite dengue, chikungunya, zika e febre amarela começaram em fevereiro. Visitas aos municípios do interior foram feitas pelas equipes da Vigilância Sanitária para treinamento de cerca de dois mil profissionais de saúde, além do trabalho em conjunto com o Corpo de Bombeiros para o uso de drones para localizar os focos em locais de difícil acesso. A corporação também realizou idas em colégios para conscientizar crianças e jovens sobre a importância do combate ao Aedes aegypti.

– Com as chuvas e o calor típico desta época do ano, é esperado um aumento dos casos, especialmente de chikungunya. O pico deve ser entre os meses de março e maio. Diante disso, nossa atuação foi intensificada, inclusive, com vistorias nos equipamentos do próprio governo e espaços públicos – disse o secretário de Saúde, Edmar Santos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *