Idosos recebem dose de reforço em instituição no Caju

Arquivado em: Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 2 de setembro de 2021 as 13:08, por: CdB

A terceira dose faz parte do Calendário Único de Vacinação do estado do Rio de Janeiro. A Casa São Luiz é a instituição para idosos mais antiga do país com 130 anos de funcionamento. No início deste ano os idosos receberam duas doses da CoronaVac. 

Por Redação, com agências de notícias – do Rio de Janeiro

Residentes da Casa São Luiz, instituição de longa permanência para idosos, localizada no bairro do Caju, Zona Portuária do Rio, receberam, nesta quarta-feira, a dose de reforço contra a covid-19 com a aplicação da AstraZeneca. No início deste ano os idosos receberam duas doses da CoronaVac.
No início deste ano os idosos receberam duas doses da CoronaVac
A terceira dose faz parte do Calendário Único de Vacinação do estado do Rio de Janeiro. A Casa São Luiz é a instituição para idosos mais antiga do país com 130 anos de funcionamento.

Rio muda calendário de vacinação

A prefeitura do Rio de Janeiro informou que fez uma modificação no calendário de vacinação contra a covid-19 na quarta-feira porque ainda não recebeu novas doses do Ministério da Saúde. Serão imunizadas pessoas com 40 anos ou mais, gestantes, puérperas, lactantes e pessoas com deficiência com 12 anos ou mais. Os postos de saúde continuam aplicando também segundas doses, de acordo com a data estipulada no comprovante da carteira de vacinação.

Na quarta-feira seria a repescagem para adolescentes com 16 anos ou mais, que terão de aguardar a chegada de novas doses da vacina.  Na segunda-feira foram vacinadas as meninas de 16 anos e na terça, os meninos com a mesma idade.

Profissionais da educação

A prefeitura do Rio de Janeiro informou ainda que deu início às 7h30 de quarta-feira a aplicação da segunda dose da vacina contra covid-19 dos profissionais da educação das redes pública e privada do Rio de Janeiro. Os secretários municipais de Saúde, Daniel Soranz e de Educação, Renan Ferreirinha, acompanham a imunização na Escola Municipal Gonçalves Dias, em São Cristóvão, zona norte da cidade.

Para receber a vacina é preciso que o profissional leve comprovante de aplicação da primeira dose e um documento de identificação com foto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code