Nova Zelândia anuncia que mudará lei de armas após atentado

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sábado, 16 de março de 2019 as 12:34, por: CdB

Cerca de 11 pessoas permanecem internadas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital da Nova Zelândia, no dia seguinte ao atentado contra duas mesquitas de Christchurch, que deixou 49 mortos, disse neste sábado a primeira-ministra, Jacinda Ardern.

Por Redação, com EFE – de Christchurch, Nova Zelândia

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, anunciou neste sábado mudanças na lei de posse de armas, depois do atentado ocorrido na sexta-feira contra duas mesquitas de Christchurch, que deixou 49 mortos.

Nova Zelândia anuncia que mudará lei de armas

– Enquanto seguem os trabalhos para esclarecer a sequência de fatos que levaram à posse da licença de armas, posso assegurar uma coisa: nossas leis de armas irão mudar – disse a premier, em entrevista coletiva.

Cerca de 11 pessoas permanecem internadas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital da Nova Zelândia, no dia seguinte ao atentado contra duas mesquitas de Christchurch, que deixou 49 mortos, disse neste sábado a primeira-ministra, Jacinda Ardern.

No total, 39 pessoas permanecem hospitalizadas após o ataque, incluindo duas crianças menores de 2 anos e 13 anos, embora a maioria seja de homens entre 30 e 40 anos que sofreram múltiplos ferimentos a bala, afirmou Ardern, durante entrevista coletiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *